Travessia do Rio Jacuí é aprovada pela Antaq

Balsa Vitória segue operando e deve receber autorização da Antaq

A pedido do Ministério Público Federal, a Agência Nacional de Transportes Aquaviários enviou dois fiscais nesta quarta-feira a Cachoeira do Sul para fiscalizar a travessia do Rio Jacuí, feita pela Balsa Vitória devido ao bloqueio da BR 153 para a reforma da Ponte do Fandango.

Eles constataram que a operação está irregular, pois ainda não foi autorizada pela Antaq, e notificaram a Transporte e Travessia Vitória para corrigir a irregularidade. Mesmo assim, a Balsa Vitória pode seguir operando normalmente para fazer a travessia de veículos e pedestres entre a Praia Nova e a Rua Moron.

De acordo com a Antaq, a Transporte e Travessia Vitória já entregou o documento que estava pendente e deve obter a sua autorização dentro de alguns dias para operar legalmente.

A operação não foi suspensa porque a Balsa Vitória que é a única prestadora do serviço como alternativa à Ponte do Fandango e possui as condições de segurança do transporte aquaviário, informou a Antaq.

Comentários